Artigos

Doenças genéticas nas raças de gatos mais caras do mundo

A seleção natural, como proposto por Darwin e Wallace, é um mecanismo básico da evolução que implica na seleção dos genótipos (conjunto de genes) mais adaptados aos ambientes. Assim os indivíduos de maior valor reprodutivo disseminarão os seus genes nas gerações seguintes e, assim, sucessivamente, irão garantir a sobrevivência das espécies na natureza.

Leishmaniose Visceral Canina: uma breve síntese da situação atual e perspectivas futuras

No VIII Seminário de Saúde Pública Veterinária, realizado em Campo Grande (MS), em outubro de 2016, o tema leishmaniose visceral canina (LVC) foi tratado. Os conselheiros do CRMV-RJ, Ismar Moraes e Sandra Thomé, membro da Comissão Estadual de Saúde Pública do CRMV-RJ e presidente da Comissão Estadual de Ética, Bioética e Bem-estar Animal do CRMV-RJ, respectivamente; estiveram presentes no evento e expõem aqui, de forma resumida, alguns tópicos apresentados por especialistas do tema e palestrantes, naquela ocasião.

Braquicefalia em gatos

A braquicefalia é uma síndrome que condiciona uma série de anormalidades ósseas do crânio e da face do gato e que confere a ele uma aparência arredondada e achatada do rosto e olhos grandes. Em geral a patologia determina diversos outros problemas, como por exemplos, transtornos respiratórios e deficiência na drenagem dos fluídos lacrimais.

Principais parasitas intestinais do cachorro

Os parasitos intestinais mais comuns do cachorro são os helmintos Toxocara canis, Ancylostoma caninum e o Dipylidiuim caninum. Os dois primeiros são denominados nematoides e possuem o corpo alongado e cilíndrico e popularmente são conhecidos como vermes redondos. Já o Dipylidiuim caninum, denominados de cestódeos, são conhecidos como vermes chatos pois possuem o corpo achatado e segmentado. Popularmente conhecido como vermes esses helmintos são de grande importância para a saúde dos animais como para a saúde pública, como um todo, visto que provocam importantes zoonoses. 

Acromatopsia em cães

A Acromatopsia é uma doença genética, de herança autosômica recessiva, que determina uma intensa fotofobia e cegueira dos animais quando expostos a luz do dia (cegueira diurna). É causada por uma degeneração progressiva e específica das células fotorreceptoras da retina  em cães ainda jovens. 

Veterinário é proibido de dar consultas grátis e caso gera indignação na Web

A noticia gerada por um fato rotineiro na vida dos Conselhos de Fiscalização do Exercício Profissional de todo o país teve grande repercussão na mídia. Mas será que as pessoas que se indignaram com a atitude do conselho de Medicina Veterinária do estado de São Paulo conhecem as funções e a responsabilidade dos conselhos de fiscalização e do  próprio Estado?

Como os cães e os gatos pegam Raiva a partir dos morcegos?

A raiva é uma das doenças mais temidas pela Humanidade. Há pelo menos 5.000 anos existem registros dessa zoonose fatal (zoonoses são doenças naturalmente transmissíveis entre animais vertebrados e seres humanos), sendo transmitida para pessoas por cães e lobos infectados com o vírus da raiva. Ainda nos dias de hoje, entre 30.000 e 50.000 pessoas morrem todos os anos vítimas da raiva no mundo, principalmente em países da Ásia e África. No Brasil, desde final da década de 1970 e início da década de 1980, as campanhas de vacinação antirrábica canina e felina vêm reduzindo drasticamente a transmissão do vírus, promovendo o controle da doença humana na maioria dos estados brasileiros.

Pet shop precisa ter Veterinário como Responsável Técnico ?

Recentemente o TSJ proferiu sentença tornando desnecessário a presença do Médico Veterinários em estabelecimentos que comercializem animais e produtos veterinários. Anteriormente a sétima turma do TRF2 confirmou a sentença judicial que declarou a inexistência de relação jurídica entre o dono de uma loja de animais (pet shop) e o CRMV-RJ, quanto à obrigatoriedade de registro, pagamento de anuidade e contratação de um Médico Veterinário como RT. O Relator do caso destacou em seu voto que a atividade principal do apenado consistia no comércio varejista de animais vivos e alimentos para animais de estimação e que tal atividade não se enquadrava nas hipóteses descritas na lei 5.517 que elenca entre as atividades privativas do Médico Veterinário a prática de clínica em todas as suas modalidades, a direção de hospitais para animais e o planejamento e a execução da defesa sanitária animal.

Quem é mais perigoso na transmissão da raiva humana? O Gato, o Cachorro ou o Morcego?

O Ministério da Saúde tem divulgado que os morcegos já superaram os gatos na transmissão da raiva para humanos e estão a caminho de superar também o cão. A imprensa, por sua vez,  tem divulgado, com relativa frequência, notícias sobre o encontro de exemplares de morcegos não hematófagos doentes em bairros residenciais e comerciais, em plena luz do dia. 

É proibido cortar a cauda e as orelhas dos cães?

Em 2016 voltam as mídias virtuais as questões envolvendo o corte de caudas e orelhas dos cães e as punições que estão sujeitos veterinários e proprietários que submeterem os animais a estes procedimentos. Interessante observar que as postagens feitas nos dias de hoje, principalmente, aquelas no Facebook, reportam-se às notícias datadas de 2013. A referência a 2013 se justifica, pois, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), alterando a resolução nº 877 de 2008, determinou por meio da Resolução nº 1027, de 18 de junho de 2013, a proibição da prática de caudectomia – amputação ou corte da cauda de caninos para fins estéticos. 

Cães auxiliam na alfabetização de crianças e estimulam a prática de leitura

Programas de “alfabetização assistida” utilizando-se cães já vem sendo utilizado em vários países, como Canadá, EUA, Austrália, Reino Unido, Alemanha e Índia. Em geral os textos encontrados na internet citam os estudos que foram desenvolvidos na Universidade de Alberta, localizada na cidade de Edmonton, província de Alberta, no Canadá, particularmente, com a tese de Doutorado da pesquisadora Lori Friense, defendida em 2012. Neste trabalho a Dra. Friensen constatou um efeito significativo da utilização dos cães Tango e Sparky, no processo de ensino e aprendizado e na prática de leitura de crianças sendo alfabetizadas.

Síndrome de Insensibilidade aos Andrógenos ( AIS ) em Gatos

A Síndrome de Insensibilidade aos Andrógenos, também conhecida como Síndrome de Feminilização Testicular, acorre em muitas espécies animais,  incluindo o homem. Esse transtorno do desenvolvimento sexual XY se dá por mutação recessiva do  gene, localizado no cromossomo X do machos,  que codifica o  Citosol, receptor de membrana, responsável pela captação da Dihidrotestosterona no processo de  masculinização da genitália externa do embrião XY.

Você sabia que Cães e Gatos podem morrer durante os procedimentos de banho e tosa ?

Tendo em vista: o crescimento  constante do número de estabelecimentos destinados à banho e tosa de cães e gatos no Brasil; o desconhecimento de que os animais submetidos a esses procedimentos podem vir a óbitos por traumas e/ou estresse e as dificuldades que os proprietários de animais domésticos têm em acessar as publicações acadêmicas, apresentamos  a seguir o resumo e comentários ao excelente artigo publicado na revista do CRMVSP.

Páginas

Artigos