Text Resize

-A +A

Conselho Federal de Medicina Veterinária justifica abate de animais com 'rifle sanitário'

  • Postado em: 30 January 2019
  • Por: busquepets

O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) lançou nota nesta terça-feira (29) confirmando que houve o abatimento de animais com tiros e Brumadinho (MG). O comunicado afirma que "os animais encontravam-se em local sem condições de segurança para serem içados".

O Conselho enviou integrantes da Comissão de Bem-Estar Animal, do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais (CRMV-MG) ao município para acompanhar no resgate de animais e afirmou que trata-se de um procedimento de exceção. "Sob a supervisão de equipe veterinária, nesta segunda-feira (28/1), dois animais (um equino e um bovino), que estavam atolados há 4 dias em local de difícil acesso, tiveram de ser abatidos por meio de rifle sanitário", diz trecho da nota. Reportagem da Folha de S. Paulo, publicada nesta terça-feira, afirma que durante a tarde de segunda-feira (28) foi possível ouvir pelo menos 20 tiros, disparados de um helicóptero que sobrevoava a área tomada pela lama em Brumadinho. 

O Conselho afirmou na nota que o procedimento de abate não é ilegal. "De acordo com artigo 3º da Resolução 1000, a eutanásia pode ser indicada quando 'o bem-estar do animal estiver comprometido de forma irreversível, sendo um meio de eliminar a dor ou o sofrimento dos animais, os quais não podem ser controlados por meio de analgésicos, de sedativos ou de outros tratamentos", consta em trecho do comunicado.

CAPTCHA
Esta ferramenta é para testar se você é um visitante humano e evitar submissões automatizadas de spam. (Marque a caixa abaixo)